Home


Entre Commun des mortel e lágrimas…estava partida. Partida de “ao meio”, de estilhaços, de inesgotáveis pedacinhos de ideias que nunca se encaixavam. Não tinham como se encaixar. E partida de partir, de ir, de ir-se de um pensamento ao outro e ao outro e ao outro, infinitamente até chegar ao lugar sem fim. Ia longe e voltava com cílios borrados e linhas negras desenhando o pescoço. Alguns minutos a mais ali. Agora sim, engolia as notas, as gotas e acordava.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s